Minhas primeiras hand letterings com Tombow pens

Se tem uma coisa pela qual eu sempre me interessei é a arte da caligrafia. Desde criança eu gostava de ver as letras de convites de casamento e copiar formando outras palavras numa folha em branco, hahaha. E mais antigamente, tinha meu caderninho de caligrafia do primário, quando estava aprendendo a escrever. Sempre dava o melhor de mim e tentava caprichar bastante para agradar a professora e a minha mãe <3

Lado brush da Tombow pen

Lado de ponta fixa da Tombow

Há uns dias estava em mais um momento tedioso no 9gag e acabei vendo um gif de uma pessoa fazendo hand lettering. Logo fiquei maravilhada e fui procurar o material que a pessoa utilizava. Descobri que era um dos marcadores da Tombow, que possui duas pontas: uma que lembra pincel (e de acordo com a pressão feita, ele faz traço fino ou grosso), e o outro lado seria uma ponta regular que tem traço parecido com uma Stabilo Pen 68. E pronto, a besteira foi plantada. Acabei procurando na internet para comprar (porque aqui na minha cidade é certeza que não encontraria), e achei. Pedi e em alguns dias ela chegou em casa. Logo fui testar, e assim saiu minha “primeira hand lettering“, porque foi no improviso, hahaha.

Primeira hand lettering!

A segunda hand lettering saiu um pouco depois da primeira, pois fiquei surpresa com o potencial das minhas novas canetas, hahaha. E ela saiu assim:

Segunda hand lettering

A partir daí comecei a procurar trabalhos que me inspirassem e sobre técnicas que me ajudasse a desenvolver meu próprio estilo. Foi assim que saiu a minha terceira hand lettering, que inclusive achei bem melhor que as outras duas.

Terceira hand lettering

E hoje fiz essa hand lettering da primeira foto do post, que era só pra ilustrá-lo 😉 .

Para quem ficou curioso em saber se escrevo dessas formas todos os dias, a resposta é: não gente, hahaha. Fazer lettering é uma coisa que dá trabalho, requer planejamento e bastante organização. Então não dá mesmo. Minha letra de todos os dias é essa da seguinte foto, que utilizo para fazer minhas anotações da faculdade, etc.

minha-letra

E é isso gente! Espero trazer mais trabalhos aqui no blog logo, e também espero aumentar minha coleção de Tombows, hahaha. Aliás, se vocês quiserem post explicando melhor como elas funcionam, é só falar. Também tô de olho numa caneta tinteiro/pena de bico porque também dá um resultado incrível :heart: . Para quem quiser acompanhar meu trabalho “em tempo real”, é só me seguir no Instagram e adicionar no snapchat, que é keepcalmcris. Beijos e bom fim de semana!

11 thoughts on “Minhas primeiras hand letterings”

  1. Criis <3 Parabéns pelo lindo trabalho!
    p.s. Lá na Papel de Papel, eles vendem ou vendiam essas canetas da tombow, porem não há tanta variações de cores.

  2. Acho lettering tão lindo! Morro de vontade de aprender, mas tenho vontade de aprender tantas coisas que não dá para fazer tudo de uma vez. Comecei agora com desenho, a próxima coisa, quem sabe, será lettering.
    Não conhecia o material, achei muito interessante. Se você fizer a postagem sobre as canetas, com certeza venho conferir.
    Ah, e seus trabalhos ficaram bem bacanas, especialmente sendo seus primeiros.
    Beijos.

  3. Oi

    Não sabia nem da existência dessas canetas, o efeito delas é lindo mas tem que ter a técnica de fazer uma boa letra, igual a que vc faz. Se fosse eu , pff, ia ter ficado terrivel!

    Ficaram lindos seus trabalhos, porque você não digitaliza ?

    beijos

  4. Parabéns , seu trabalho é lindo demais ! Continue produzindo, coisa difícil é reconhecer a letra de alguém hoje em dia rs’ , amo fazer esse tipo de coisa , mas apenas como um hobby.

  5. Oi Cristiane, tudo bem?
    Eu acho lindo trabalhos com caligrafia, e também sempre tentava deixar minha letra o mais bonita possível, principalmente porque na minha época de escola fazíamos muitos cartazes e capas de trabalho, tudo a mão.
    Seus trabalhos ficaram lindos, e vou acompanha pelo ig.
    Abraços,
    Amanda Almeida

Deixe uma resposta