"
2 comentários

Retrospectiva 2014 e metas para 2015

em Pessoal

É gente, mais um ano passou voando. Para mim, 2014 foi tipo montanha-russa: repleto de altos e baixos, curvas, loopings… Coisa louca. Foram tantas as coisas que aconteceram nesse ano que até perdi o fôlego. E para vocês verem só, resolvi fazer uma retrospectiva de 2014, e já bolei algumas metas que quero alcançar em 2015.


4/52 – Missing this view

Uma foto publicada por Cristiane Tsuchida (@cristsuchida) em


Em janeiro fui passar as férias nas praias do litoral norte de São Paulo, junto com a minha família toda. Alugamos um sobrado bem grande para todo mundo caber, onde tinha piscina para nadar e churrasqueira para fazer gordice. Dentro do condomínio tinha até uma fonte natural, mas a água era gelada demais para entrar até no calor. Foi muito bom, aproveitamos bastante e conhecemos muitas praias. Teve até experiência de quase morte HAHAHA. Tínhamos comprado um passeio por umas ilhas, e no meio dele deu uma tempestade muito forte quando estávamos voltando de barco, não dava pra enxergar nada e morria de frio. Sinceramente achei que morreria naquele dia gente, ai meu corassaum.

Em fevereiro minhas aulas voltaram e oficialmente deixei de ser uma caloura. Organizei o trote do meu curso e também uma semana de recepção para ajudar meus filhotes, porque quando a gente entra na faculdade é um caos de tão perdido que a gente fica. Depois disso foi só minha cara nos livros, madrugando para estudar para as provas. E o resto vocês já sabem. Também passei muito tempo extra-aula na faculdade dando monitorias e fazendo pesquisa. Fiquei exausta.

E daí quando as férias estavam chegando, fui surpreendida com algo que nunca imaginaria: a Paula Buzzo do Não Provoque me convidou para participar do Teen Web Awards da CAPRICHO. Eu, na maior inocência, me inscrevi achando que não daria em nada, até porque era a primeira edição e nem sabia como aconteceria. Daí no meio de junho recebi um e-mail da Tatiana Schibuola, diretora da redação da CAPRICHO, dizendo que eu fui uma das 4 garotas selecionadas para participar da categoria cultural do concurso. Pirei? Pirei. Ganhei? Não, mas fiquei tremendamente feliz por ter sido indicada, fora que a ganhadora, a Camila Mabeloop do Desejo Adolescente merecia demais ter ganhado <3

Em julho fui passar minhas férias em Foz do Iguaçu. Contei algumas coisas neste post, e o resto não foi postado porque fui adiando e adiando, e quando vi já era muito tarde pra postar, hahaha. Desculpa gente. Era época de copa e depois do jogo do 7×1 minha família resolveu se aventurar em terras argentinas. Minha família é uma loucura mesmo. Também foi nessas férias que comprei minha Canon T5i, que agora faz todo o trabalho fotográfico aqui do blog <3


Livro que chegou essa semana do LeYtoras ???? Já comecei a ler, e logo faço resenha lá no blog!

Uma foto publicada por Cristiane Tsuchida (@cristsuchida) em

Em agosto o meu ritmo de correria voltou e também voltei a ficar de cara nos livros. Mas este mês foi marcante porque fiz minha primeira parceria literária, com a Editora LeYa. Ainda estou devendo algumas resenhas, infelizmente tive alguns problemas neste tempo e não deu para eu ler tanto nos últimos meses. Pelo menos passei de ano sem ter que fazer exame, e sem nenhuma dependência na faculdade. Amém!

E finalmente chegamos no último mês do ano: dezembro. Achei que faria muitas coisas e que renderia o suficiente para terminar de ler meus livros pendentes e atualizar minhas séries. Mas daí meu relacionamento terminou, e daí o resto vocês já sabem como é. Eu realmente amava muito ele, a gente sempre estava rindo quando estávamos juntos. Fizemos coisas especiais, e até tem post dele aqui no blog. Até meu eu racional diz que não vou deixar de amá-lo, mas eu sei que minha vida tem que continuar. Felizmente estou bem melhor, e passar um tempo com meus amigos e minha família no natal e ano novo me fez muito bem, apesar de todo mundo ter ficado chocado e perguntando “cadê o namorado?”, hahaha.

E aqui estou eu, já em 2015 pensando no passado. Não sei como vai ser meu ano, mas acredito que assim como vocês, também já planejei minhas metas e preciso olhar para o futuro. E minhas metas são:

1. Pintar o cabelo (quero ser ruiva à la coreanas do weheartit, mas ainda estou pensando muito)
2. Fazer minha primeira tatuagem
3. Focar nos meus estudos e já começar a pensar em TCC
4. Entrar na academia para sair do sedentarismo, ficar com um corpo bonito e chegar ao meu peso ideal
5. Ler mais (2014 não rendeu muito para mim, hahaha)
6. Dedicar mais ao blog

E essas são minhas metas. Decidi escolher poucas coisas porque não quero terminar o ano achando que não fiz nada, hahaha. E é isso. Desse jeito eu também posso focar no que é realmente necessário, não é mesmo?

Desejo um feliz 2015 para todos os leitores do Pássaros Feridos, que este ano seja repleto de sonhos realizados!

5 comentários

Minhas compras da Black Friday

em Compras

compras-black-friday

Faz quase um mês que passou a Black Friday deste ano, mas só agora lembrei de liberar o post, hahaha. O mais surpreendente é que: consegui sair dela sem ao menos comprar um livro! Não foi por falta de descontos, obviamente. Até porque acho que livro é a melhor coisa que você pode comprar na Black Fraude Friday do Brasil. Fiquei tentada em comprar muitos livros, inclusive alguns da lista que publiquei na página do Facebook, mas estava reservando o dinheiro para comprar algo que venho necessitando nos últimos anos: um notebook.

notebook-samsung-ativ-book-2-i5

Acabei optando por um Samsung Ativ Book 2, que foi adquirido no Submarino com um desconto razoável. Ele possui processador Intel Core i5, tem 4GB de RAM, 750GB de HD e tem tela LED antirreflexo HD de 15,6″. Escolhi a cor branca, mas isso dá um certo problema porque suja bem fácil, hahaha. Ele veio com o Windows 8.1, que até então eu não tinha testado no meu desktop. Se vocês quiserem que eu faça resenha mais detalhada, é só pedir ;) .

batom-ruby-woo-mac

E eu achando que iria sossegar apenas com o notebook, mas não né HAHAHA. Acabei levando um batom Ruby Woo da MAC na Sephora, que estava com preço quase que de free shop, então achei que valeria a pena porque acho que vai demorar pra eu viajar de novo. Eu sou a louca do batom vermelho e tenho o Russian Red (que é meu batom favorito), mas na verdade os dois são um pouco parecidos. Paguei R$52,80 com frete grátis <3 Se quiserem resenha/comparações também, avisem!

Últimas palavras de um adeus

em Amor, Desabafos, Pessoal, Sem platéia

Eu tinha roupas no seu guarda-roupa. Você tinha uma escova de dente no meu armário. Meus livros favoritos passaram pela sua cabeceira. Meu mundo agora é somente um cemitério de memórias de momentos que passamos juntos, momentos que passamos sempre sorrindo um para o outro. Eu amava como você era espontâneo e me olhava como se fosse a única pessoa em sua vida. Me dava beijos puros que faziam uma eletricidade subir por minha espinha. E eu te amei com todas as minhas forças. Você soube me fazer abaixar minhas armas, e assim você conseguiu penetrar pelo meu escudo pessoal.

Amava sua voz rouca de quando acordava comigo ligando em seu celular. O jeito do seu cabelo ficar desarrumado apenas do lado direito, seus lábios voluptuosos que nunca paravam de tagarelar quando estavam comigo. Você dizia que um de seus lados era melhor, mas eu sempre amei os dois. E as horas passavam voando quando nos víamos. Eu tinha a certeza que nunca me enjoaria de você.

Quando estávamos sozinhos às vezes não podia deixar de derramar algumas lágrimas. Não porque estava triste, pelo contrário: porque eu me sentia infinito. E de repente aquela famosa frase de um livro que eu tanto amava fazia sentido. Você nunca deve ter reparado, mas me proporcionava uma alegria tão grande que me fazia chorar. Era um turbilhão de sentimentos que precisava extravasar. E acontecia somente quando estava com você.

Não posso negar, meu coração está apertado e cheio de cicatrizes. Porém são cicatrizes de momentos maravilhosos, os melhores de minha vida e que com certeza já deixam vestígios de saudade. E também não vou negar, eu continuo amando você como jamais amei alguém. Você deu vida à todos os meus neurônios. Mas talvez tenha que guardar todo esse sentimento à sete chaves e escondê-las em algum lugar seguro.

Neste tempo eu vi você crescer, e pensei que por muito tempo eu ainda iria continuar vendo. Gostaria de ver você recebendo seu diploma com o maior orgulho de “dever cumprido”. Gostaria de ir na sua formatura, e quem sabe você me puxaria para dançar. Eu negaria só para fazer um charme, e porque você sabe que tenho dois pés esquerdos, mas acabaria aceitando porque afinal é uma das coisas que eu mais queria ter feito neste tempo. E eu tenho certeza que daríamos muitas risadas.

E eu nunca vou me arrepender daquele dia 8 de agosto que me pôs você em minha vida. Desde aquele momento eu soube que jamais conseguiria ser apenas sua amiga. Foram momentos maravilhosos que eu acho que nunca vou sentir com outra pessoa novamente. Você foi o garoto que inspirou meus textos mais profundos, foi o garoto que não tive medo de mostrar ao mundo e à minha plateia porque era maravilhoso te amar. Mas você é aventureiro e tem suas próprias asas. Eu pertenço à você e sempre vou pertencer. Mas você pertence ao mundo e talvez ainda tenha muito o que voar.

Vi você se tornar um homem e talvez por isso te perdi. Só espero que o garoto com espírito de criança pelo qual eu me apaixonei ainda permaneça em seu interior. Afinal, é o que te faz ser tão especial, maravilhoso e único.